Feng Shui: como usar esse conceito milenar na decoração da casa?

Chegamos ao nosso último post da série de harmonização de ambientes. Dessa vez, vamos falar sobre o Feng Shui, e dar algumas dicas de decoração nesse estilo.

Feng Shui é um termo de origem chinesa que significa vento e água. Há mais de 4 mil anos, esse conceito é utilizado pelos chineses, e sua popularização o levou para todo o mundo para harmonizar e equilibrar as forças nos ambientes.

Os criadores do Feng Shui acreditam que as energias do ambiente são compostas e sofrem influências de forças visíveis e invisíveis – e tanto de suas formas como materiais que a estruturam.

Os elementos a serem trabalhados para alcançar a harmonização de ambientes são: fogo, água, terra, madeira e metal.

Feng Shui
Ambiente elaborado com elementos Feng Shui; azul cor da água, o espelho e o metal, madeira e tons terrosos nos elementos decorativos, além dos amuletos.

Os elementos são trabalhados de forma a equilibrar as energias do espaço e, com isso, estimular vibrações positivas. Assim, fortalece pontos relacionados à saúde, vida financeira, concentração e estabilidade, dentre outros fatores importantes para nossa vida.

No entanto, você deve estar se perguntando: “como faço para aplicar os conceitos milenares do Feng Shui em minha casa ou trabalho? ”. Vamos explicar!

Como funciona a aplicação do Feng Shui?

Se você não tem aquele tempo ou disposição para aprender as teorias e técnicas, o ideal é contratar um consultor de Feng Shui.

Esse profissional vai até o lugar onde você quer aplicar o conceito e faz o mapeamento e as medições de energias – que são os aspectos invisíveis a serem tratados. Tudo isso com o auxílio de alguns instrumentos, como o Ba Gua.

Além dos aspectos invisíveis, também são tratados os visíveis. Eles são as diversas formas que compõem os espaços e as relações entre elas. Por exemplo, a localização de portas e móveis em relação a vigas e aberturas.

Ou seja, o panorama que envolve as técnicas e os conceitos do Feng Shui são bem amplos, e tentar aplica-lo sem saber o que está fazendo não traz um resultado positivo.

Feng Shui
Baguá

Se animou com o assunto e não vê a hora de pesquisar como usar o conceito na sua casa? Então nós vamos te dar algumas dicas de como aplicá-lo para a prosperidade!

Afinal, apenas um post não seria suficiente para falar de todos os pontos que essa técnica trabalha. E como o momento econômico de nosso país pede uma harmonização nas questões financeiras, vamos lá!

Dicas de decoração para prosperidade com Feng Shui

O peixe no Feng Shui é considerado símbolo de sucesso e prosperidade. Sua presença pode estar tanto nos objetos, como pinturas e gravuras em almofadas, ou até mesmo em um lindo aquário!

Os aquários trazem muita elegância para os ambientes, e, ainda mais sabendo que podem atrair prosperidade, é uma boa ideia ter um!

Feng Shui
Aquário compondo e acrescentando elegância no espaço da sala de estar.

O metal também é um elemento super importante. Porém, como qualquer outro elemento, não deve ser usado em excesso. Afinal, segundo o Feng Shui, ele traz energias demasiadas e tornar o ambiente propício para brigas e desentendimentos.

Uma boa dica é associar o uso do metal com sinos, que são objetos de prosperidade.

Feng Shui
Imagem à esquerda: cortina de metal, pedras e sinos. Imagem à direita: o dourado, importante para a prosperidade no Feng Shui, aparece nas estampas e na moldura do espelho.

Agora, vamos falar da água, outro elemento fundamental para o Feng Shui. Ele traz positividade e limpeza.

As fontes são muito bem-vindas nesse caso, pois, além do próprio elemento, ainda têm um barulho delicioso de ouvir, não é mesmo?

Além delas, podemos usar as cascatas, que são elementos arquitetônicos maravilhosos!

Feng Shui
Cascata e fonte.

Os animais também são muito presentes no Feng Shui. O elefante, com a tromba para cima, simboliza a sorte. Já o sapinho representa riqueza e prosperidade.

Também é importante mencionar que o sapo, segundo o conceito, precisa ser colocado próximo à porta de entrada.

Feng Shui
Objetos decorativos, elefante e sapinho.

Por onde começar?

O Feng Shui tem diversos elementos e parâmetros que são abordados por essa técnica milenar. No entanto, se você não está pensando, nesse momento, em investir em decoração e reformas de ambientes, pode dar outros passos.

Por exemplo, pode começar por organizar os espaços, se desfazendo das coisas antigas, que não são úteis e estão paradas, acumulando energia na sua casa. Também pode garantir muita iluminação aos ambientes! Esses pontos são essenciais para harmonizar ambientes na sua casa ou no seu trabalho.

Feng Shui
Ambientes bem iluminados e organizados.

Então, assim terminamos nossa série de apresentação sobre harmonização de ambientes. Apresentamos diversos estilos diferentes, suas origens e o que os compõe.

Daqui para a frente, vamos de mente e mãos à obra para aplicar alguns desses temas na harmonização de ambientes!

Diz para a gente o que você achou! Quer saber mais sobre outro estilo? Tem alguma dúvida? Fique à vontade para conversar!

 1,541 total views,  3 views today

Arqueliê

Fernanda Ferrari e Juliana Schiavone são as arquitetas à frente do ateliê de arquitetura e interiores, Arqueliê. Apaixonadas por projetar espaços exclusivos e harmoniosos, buscam constantemente novas tendências, tendo  a natureza como grande fonte de inspiração. Cada projeto elaborado constitui uma sinergia entre a função do espaço e as aspirações do cliente, sendo assim, únicos!

One comment

  1. Sou apaixonada por ambientes harmonizados pelo Fen Shuí.Irei construir uma casa ainda em 2021 pautada no Fen Shuí
    Grande abraço

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.